Histórico


Histórico

 

A Biblioteca de Pós-Graduação em Geoquímica foi fundada em junho de 1978 tendo em vista o crescimento do curso de Pós-Graduação em Geoquímica do Instituto de Química da UFF. Com a demanda por informação específica em crescente evolução e visando à necessidade de suprir as carências de informações deste Curso surge a Biblioteca Setorial de Pós-Graduação em Geoquímica (BSGQ) que tem como finalidade inicialmente atender somente ao curso de mestrado.

Em 1982 a BSGQ passou a ser denominada Biblioteca Amélia Alba N. Moreira em reconhecimento a grande colaboração da Professora Doutora Amélia Alba para a formação de diretrizes, infraestrutura, planejamento e intercâmbio científico do Programa do Curso de Pós-Graduação em Geoquímica.
 
Em 1992 a Biblioteca foi integrada ao Núcleo de Documentação da Universidade Federal Fluminense (NDC), órgão responsável pela coordenação de todo sistema de Bibliotecas da UFF que junto a Coordenação de Geoquímica vem auxiliando na manutenção e modernização da Biblioteca, passando a funcionar de modo articulado, integrando bases de dados e acervos de periódicos. 

Também em 1992 a Biblioteca passa a ter seu funcionamento coordenado pela Biblioteca Central do Valonguinho (BCV). Passa então a ser BCV/GEO para efeitos de estatística e serviços. De 1992 até agosto de 1995 são feitas reuniões mensais com a chefia da BCV para avaliação do desempenho e necessidades da biblioteca.

Em setembro de 1995 a Biblioteca desvinculou-se da BCV e se tornou a Biblioteca de Pós-Graduação em Geoquímica contando sempre com grande apoio da Coordenação de Geoquímica e do NDC.

Em dezembro de 1998, após uma reestruturação interna, o NDC passou da subordinação do Gabinete da Reitoria para a Pró-Reitoria de Assuntos Acadêmicos - PROAC. Em Março de 2011, após uma reestruturação interna, voltou a estar subordinado à Reitoria da UFF, passando de Núcleo para Superintendência de Documentação (SDC).

Atualmente a Biblioteca atende, além do Mestrado e Doutorado em Geoquímica, também a alunos de graduação ao qual o Departamento de Geoquímica oferece disciplinas.


Acervo 
 

Responsável pelo armazenamento e divulgação de toda a produção científica dos docentes e discentes do departamento de Geoquímica que está distribuída principalmente em artigos científicos publicados em revistas especializadas nacionais e internacionais, capítulos de livros, publicações em Anais de Congresso, publicações avulsas e também Dissertações de Mestrado e Teses de Doutorado defendidas no curso.

A BGQ conta com um acervo especializado nas áreas de Geoquímica, Geologia e Meio Ambiente, possuindo cerca de 10.203 títulos entre livros, teses, mapas, periódicos, separatas, fotografias e multimídia, funcionando como fiel depositária de toda a produção intelectual do curso de Pós-Graduação em Geoquímica.



Nenhum comentário:

Postar um comentário